█ SEJA BEM-VINDO AO NOVO BLOG PAAR — É DAQUI, É DA GENTE!

Campanha arrecada doações para manter projeto que atende crianças no PAAR

Casa onde funciona o Projeto Sorrir está à venda por R$ 30 mil.
Campanha está mobilizando pessoas do Pará e de outros estados.

Projeto de missionária atende crianças e adolescentes em uma casa no bairro do Paar.
(Foto: Divulgação/ Projeto Sorrir)
 
Centenas de pessoas de vários lugares do Pará e de outros estados estão se mobilizando em uma campanha para a compra da casa do Projeto Sorrir, uma organização não governamental que tem pouco mais de um ano e atende crianças e adolescentes de baixa renda no bairro do PAAR, em Ananindeua. Desde que a campanha iniciou, em novembro de 2014, já foram arrecadados R$ 25 mil, mas ainda falta uma quantia de R$ 5 mil para que o projeto possa ter continuidade. 


Casa onde funciona o Projeto Sorrir custa R$ 30 mil.
(Foto: Divulgação/ Projeto Sorrir)
O Projeto Sorrir foi iniciado com o trabalho da missionária Hérica Silva em alfabetizar crianças de 3 a 5 anos, e dar reforço escolar para as de 6 a 10 anos de idade. Adolescentes também são atendidos no local com aulas de dança, artes e ensino da bíblia. No total, 100 pessoas são atendidas, sendo 60 crianças, 30 adolescentes e 10 adultos, em média. Essas pessoas recebem visitas periódicas em que são incentivadas a estudar e buscar um emprego.

Missionária
Hérica Silva, 32 anos, mãe adotiva do pequeno Asafe, de 4 anos, é a responsável pelo Sorrir. Formada no curso de Missões Transculturais pelo Instituto Missionário Palavra da Vida Norte, em 2010, já atuava como professora de uma igreja local quando resolveu fazer mais do que já vinha desenvolvendo. As dificuldades das outras pessoas pareceu maior que o desafio pessoal de ser mãe de um filho gerado por outra barriga, a da sobrinha adolescente, que não tinha condições de cuidar da criança.

“Um bebê recém-nascido não podia ser uma barreira, mas me impedia de ir para muito longe, então, resolvi fazer atividades na casa em que moro, cedida por um parente meu. As crianças foram vindo e chamando outras, e mais outras, que por sua vez traziam os irmãos adolescentes. A ainda haviam as adolescentes mais mocinhas que namoravam ‘malandros’ da área, presidiários ou já estavam grávidas desses rapazes, que vinham conversar comigo para pedir conselhos”, conta Herica.
 
Missionária alfabetiza crianças menores e dá aulas de reforço para as maiores. Intenção é ocupar tempo ocioso.
 (Foto: Divulgação/ Projeto Sorrir)
 
Campanha
O dono da casa onde a missionária está morando e fazendo os trabalhos sociais precisou vender a casa, e então, a Hérica teria que sair do lugar e procurar outro para viver e continuar o trabalho ou comprar a casa. Foi então que amigos dela se uniram na campanha para ajudá-la a comprar o local, e assim, dar continuidade ao que estava sendo feito há mais de um ano.

Até esta terça-feira (20), já foram arrecadados R$ 25 mil e o grupo de amigos tem o objetivo de concluir toda a arrecadação, de R$ 30 mil, no próximo domingo (25) com uma feijoada beneficente, que já vendeu antecipadamente 255 marmitas. A feijoada, vendida a R$ 20, vai ser distribuída na garagem da Igreja Batista Sião, em Belém, que cedeu o espaço para a entrega da refeição. Os tickets para a feijoada serão vendidos até o final desta semana.

Serviço: O Projeto Sorrir funciona no bairro do PAAR, Rua Rio Negro, Quadra 141, casa 12, Ananindeua-PA. Mais informações sobre como ajudar pelo telefone (91) 98178-6786 ou pelo e-mail: hericabelem@hotmail.com.

Fonte: G1 Pará

Blog PAAR. É daqui, é da gente!. Tecnologia do Blogger.